• Facebook
  • Youtube
  • Twitter
  • Banner eSocial - Fatos e Notícias
  • Evento Manaus
  • Banner Propostas
  • app do sindeprestem
  • BOLETOS ON-LINE
  • coffee news mudou para melhor
  • sindeprestem 2018
  • CONTRIBUIÇÃO PATRONAL 2018
  • Home
  • Notícias
  • Últimas Notícias
  • 22/09/2018 | Foco na Carreira: Você está preparado para ser um freelancer? - O Estado de S.Paulo

22/09/2018 | Foco na Carreira: Você está preparado para ser um freelancer? - O Estado de S.Paulo

Apesar de o termo freelancer (profissional autônomo que realiza trabalho para diferentes empresas) ser visto, em algumas vezes, com um certo preconceito como um trabalho momentâneo, provavelmente este será um “formato de carreira” cada vez mais comum em um futuro próximo.

O relatório intitulado “Jobs lost, jobs gained: workforce transitions in a time of automation” da consultoria McKinsey & Company estima que cerca de 375 milhões de pessoas (aproximadamente 14% da força de trabalho global) terão de fazer a transição para uma nova ocupação e desenvolver novas habilidades em função da automação e das novas tecnologias como internet das coisas, inteligência artificial, realidade aumentada e big data.

O texto ainda menciona que caso as pessoas não consigam fazer esta transição de uma maneira rápida o desemprego pode aumentar em escala mundial.

Uma forma de se preparar para os novos cenários do mundo do trabalho é considerar qual é o seu “portfólio de conhecimento” para oferecer ao mercado de acordo com as necessidades que existirem.

Outro ponto fundamental é planejar sua atuação como freelancer. É importante se ver como um(a) empreendedor(a) mesmo sendo apenas você, tendo uma visão de negócio.  Compartilho abaixo quatro itens vitais para quem pensar sem atuar como freelancer:

Definir uma área onde você tenha habilidades: você deve analisar quais são suas competências de forma que você possa oferecê-las para alguém. Escolher um mercado e identificar eventuais demandas é fator crítico de sucesso.

Divulgar seu trabalho como freelancer: as pessoas precisam saber quem é você e qual “problema” você resolve. Divulgar seu trabalho na internet, redes sociais, revistas especializadas e participar de eventos de networking deverá contribuir para expandir seus contatos e, como consequência, facilitará as pessoas conhecerem o que você oferece.

Criar um “modelo de frelancer”: como freelancer será importante estruturar a forma como você trabalhará. Definia um modelo considerando horário de trabalho, planejamento financeiro, abertura de MEI (microempreendedor individual), cartão de visitas, materiais promocionais, site próprio etc. 

Planejar sua remuneração: quando você trabalha como freelancer poderá ter meses onde a remuneração será maior e outras menor. Entender se existe sazonalidade na sua área de atuação, reservar um dinheiro pensando em imprevistos e aposentadoria e outros planos que deseje realizar é essencial para quem não tem carteira assinada, décimo terceiro salário e outros benefícios. 

Você está preparado para ser um freelancer? Independente da sua área de atuação refletir sobre esta questão poderá ajudar a planejar os próximos passos da sua carreira.

 

*Professor da USP-SP

Últimas Noticias

Home Logo01
Home Logo02
Home Logo03
Home Logo04
Catho
Up Plan Logo 02